MESTRE NANICO       AULAS       LOJA       RODA DA 24















MESTRE NANICO

 
Eu sou Isak dos Santos Tavares, conhecido no mundo da capoeira como Mestre Nanico. Nasci em 03 de agosto de 1973 em Periperi, Salvador, BA, filho de Manuel Bispo Tavares e Angelina Pereira dos Santos. Frequento o mundo da capoeira desde os dois anos de idade, levado por meu irmão Paulo, que se destacou como capoeirista. Ele foi meu primeiro mestre e me ensinou muita coisa dentro e fora da capoeira. Ele quem me projetou na capoeira, me mostrando que ela é cultura, arte, dança, mas também é luta.

Quando eu tinha por volta de 12 anos, meu irmão me levou para treinar capoeira com o Mestre dele, Mestre Djalma, que hoje é meu Mestre. Também treinei com os professores Carioca, de Salvador, e Nilson Glória, no SESI. Aprendi um pouco com cada um.

Quando eu tinha 17 anos, meu irmão foi assassinado. Ele era o homem mais valente, corajoso e forte que eu conhecia – meu herói, meu ídolo –, morreu com 26 anos. Eu fiquei triste, desgostoso, desanimado com tudo, e, dois anos depois, recebi uma proposta de um amigo para vir morar em São Paulo.

Minha vida inteira eu sempre tive vontade de fazer da capoeira minha profissão. Queria ter muitos alunos, um comércio de capoeira, enfim, ficar nela a vida inteira. Comecei a comprar e revender berimbau, dava aulas de capoeira, mas com um retorno financeiro muito pequeno, então eu não conseguia sobreviver só com a capoeira, tinha que trabalhar de dia, dar aula de capoeira à noite e no final de semana fazia as vendas pra ver se ganhava dinheiro. A vida de um capoeirista é muito difícil, é muito dura, parecia ser impossível, mas hoje sei que não é.

Paralelo a capoeira eu sempre pratiquei o boxe, desde a época de meu irmão que era capoeirista e boxeador. Em São Paulo procurei uma Academia de Boxe no metrô Carrão, cujo treinador era o Sr. Baltazar (in memoriam). Fiz aproximadamente 20 lutas no amador e quando me tornei vice-campeão, meu treinador me passou para o boxe profissional. Em 1999, depois de praticamente 6 anos treinando direto, realizei minha primeira luta no profissional. Ganhei por nocaute, fiquei deslumbrado, entusiasmado e daí em diante não parei mais de vencer. Lutei na Áustria, Alemanha, Portugal, África, Argentina, encerrando minha carreira aos 37 anos. Eu fazia tudo paralelamente, treinava boxe de dia e dava aula de capoeira à noite, ganhava dinheiro na capoeira e me patrocinaram no boxe.

Morei um ano na Argentina, na cidade de Rosário, dando aulas de capoeira. Hoje, graças a Deus, tenho até aluno dando aulas lá.




GINGA ARUANDA CAPOEIRA
Rua 24 de Maio, 36 - Centro SP
Pop Shop - 1º andar - Loja 107
Whatsapp (11) 959353807